Descrição

Na extensa e ensolarada denominação de Crozes Hermitage há espaço para exploração, desde vinhos fáceis de beber até pequenas jóias. A Ferraton oferece com La Matinière uma das melhores relações qualidade/preço que podem ser encontradas na zona. Um Syrah clássico, no qual encontramos a típica pimenta e uma fruta muito interessante entre o ácido e o fumado. Um vinho que convida a beber indefinidamente, mas recomendamos um pouco de arejamento antes de servir.

Detalhes do produto

Tipo
Tinto
Colheita
2020
Álcool
13.5% vol.
Variedade
100% Syrah
Origem
Crozes-Hermitage

Prova

Vista
Cor de cereja intensa.
Nariz
Fruta vermelha ácida (cerejas e morangos), cassis, pimenta preta, alcaçuz e fumo.
Boca
Muito fresco, fácil de beber, redondo.
Temperatura de servir
É recomendado servir a 16 ºC.

Vinha e preparação

Descrição
Vinhas situadas nas comunas de Mercurol e Beaumont-Monteux.
Solo
Solos de origem aluvial com muitos seixos e cascalho.
Clima
Uma mistura de influências continentais e mediterrâneas.
Vinificação
Desengace completo. A fermentação é realizada em depósitos de betão com temperatura controlada durante cerca de 20 dias, com bombagem e 'pigeage'.
Envelhecimento
Parte do vinho é estagiado em barricas de carvalho francês durante 12 meses.

Avaliação dos especialistas

Jeb Dunnuck:

A good entry level Crozes, the 2020 Crozes-Hermitage La Matinière comes from a mix of terroirs on the lower plain and was destemmed and brought up in tank. It has some solid gamey, olive, and bouquet garni notes to go with plenty of dark, pure fruit, medium-bodied richness, supple tannins, and a great finish.